Ou acaba a comunicação mi mi mi ou acaba a empresa

Ou acaba a comunicação mi mi mi ou acaba a empresa

Muitas organizações, algumas até com caráter global, adotaram nos últimos anos uma comunicação irresponsável, mi mi mi, voltada para causas repulsivas como ideologia de gênero, mutilação de crianças e contratação por meio de cotas. Esse tipo de comunicação corporativa, apoaida por ações de propaganda duvidosas, fragilizou essas empresas, levando algumas a uma situação pré-falimentar. Mas por que isso está ocorrendo?

Essas organizações, já debilitadas financeiramente, acabando caindo nas garras de sindicatos do crime como a Black Rock, que investe dinheiro nas empresas em situação de risco desde que elas adotem modelos de comunicação orientados para a comunicação burra e militante.

Para muitas dessas empresas, o preço dessa brincadeira vai ser a falência e a curto prazo. Neste vídeo com Armando Levy, da Future Press, você entende o que essa comunicação mi mi mi tem causado a essas empresas e quais são suas perspectivas de futuro.

Por conta do fracasso da comunicação dessas empresas, uma tendência importante na comunicação empresarial será a volta a padrões de comunicação saudáveis, responsáveis, que respeitem os valores das sociedades onde essas empresas atuam. Ou isso, ou a falência virá, com perdas, demissões e buracos negros financeiros. Entenda melhor esse cenário neste vídeo de Armando Levy, CEO da Futrure Press.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

12 − 5 =